Lee Laboratório de Epidemiologia e Estatística
Home Ensino Pesquisa Biblioteca Virtual Outros Setores

Avaliação de um programa de treinamento em gestão de C&T
Pereira JCR, Fischer A, Dutra JS, Baião MS.
Rev Administração da FEA-USP 1997, 32(1): 89-103.


A produção de ciência e tecnologia (C&T) requer um modelo gestor diferente daquele da produção de bens e serviços. Em 1968, Cleland & King já anotavam que "in the traditional bureaucratic organization, business is conducted up and down the vertical hierarchy. The project manager, on the other hand, is more concerned with the flow of work in horizontal and diagonal directions than he is with flows in the scalar chain". Da mesma forma, Kingsbury afirmava que qualquer estrutura hierarquizada restringe a criatividade, elemento vital para a produção em C&T.

Considerando a tendência mundial de organização do trabalho de produção científica, tanto no ambiente acadêmico quanto no empresarial, o Brasil apresenta poucas iniciativas no campo e, as existentes, restringem-se a "pesquisa e desenvolvimento (P&D)",concebidas por empresas do setor privado num esforço de apoiar sua produção industrial ou comercial. Vasconcelos & Ohayon, em 1989, estudaram 27 institutos governamentais de pesquisa e 11 centros de P&D de empresas e em nenhum deles puderam identificar um sistema formal de administração de projetos. Kruglianskas, em tese de livre docência apresentada à FEA-USP em 1987, ao analisar 51 empresas da região Sudeste do país, selecionadas por sua importância na economia da região, relatou que apenas 65% tinham procedimentos organizados de seleção de projetos e, ainda, somente 35% adotaram práticas padronizadas de acompanhamento e controle na execução de projetos. Como agravante, encontrou que até 90% dos projetos eram descontinuados antes de alcançarem seus objetivos.

No entanto, desde 1975, um curso de formação de gerentes em C&T, o "Programa de Treinamento em Administração de Pesquisas Científicas e Tecnológicas - PROTAP" é oferecido anualmente pela Fundação Instituto de Administração da Faculdade de Economia e Administração da Universidade de São Paulo, com o apoio da Financiadora de Estudos e Projetos - FINEP. A ocasião de seu vigésimo aniversário ensejou uma avaliação de seu desempenho e das tendências do campo a que constitui o escopo do presente trabalho.


Laboratório de Epidemiologia e Estatítisca.
webmaster@lee.dante.br